pube
Geral

Produtores de orgânicos recebem van em Alto Santa Maria

por Redação Conexão Safra

em 08/04/2016 às 0h00

4 min de leitura

pube
Nesta segunda-feira (4) a Associação Amparo Familiar, de Alto Santa Maria, recebeu uma van para transportar os produtores de orgânicos para as feiras e para visitações técnicas. O veículo é uma emenda parlamentar do ex-deputado Roberto Carlos, que esteve presente no local.

A solenidade de entrega do veiculo aconteceu na sede da associação e contou com a presença do prefeito de Santa Maria de Jetibá, Eduardo Stuhr, do secretário de Estado da Agricultura, Octaciano Neto, do secretário municipal de Agropecuária, Manfredo Kruger, do diretor presidente do Idaf, Júnior Abreu, do diretor presidente da Ceasa, José Carlos Buffon, dos vereadores Arlindo Lagass e Clóvis Braun além do secretariado e de representantes do Sebrae, do Incaper e do Banco do Brasil.

O prefeito Eduardo alertou para ter cuidado para que o trabalho dos produtores de orgânicos não perca a qualidade e que sejam garantidos produtos sem agrotóxicos. “Tem muito espertinho que quer vender o produto com agrotóxico, e isso pode acarretar em grande perigo, tanto para a saúde das pessoas, quanto para o desenvolvimento da agricultura orgânica. O trabalho da Associação Amparo Familiar tem muita credibilidade e tem que continuar assim. A entrega da van é prova do compromisso e qualidade dessa associação ”, afirmou o prefeito.

O ex-deputado Roberto Carlos elogiou o trabalho da atual administração e sugeriu outras formas para utilizar a van. “A aquisição deste veículo foi um trabalho de todos, prefeitura, associação e poder legislativo, e os produtores merecem. Sugiro que a van possa ser utilizada também para o agroturismo e fazer um passeio com os turistas, mostrando como se colhe verduras e dando um passeio pelo campo ”, disse.


O valor do veículo Renault foi de R$ 124.700,00 sendo que a prefeitura fez uma contrapartida com um aporte de R$ 32.550,00.

Feiras Agroecológicas

A partir de abril, a Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), em parceria com o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf), vai monitorar a qualidade dos produtos comercializados nas feiras agroecológicas coordenadas pela Seag, para garantir que os alimentos não possuem agrotóxicos. O monitoramento será feito por técnicos através da coleta de amostras, que serão analisadas em laboratório especializado.

Atualmente, a Seag coordena três feiras agroecológicas que funcionam dentro de shoppings centers da Grande Vitória e do interior. No domingo (03), foi inaugurada a feira agroecológica do Shopping PátioMix, em Linhares. Os produtores familiares cadastrados pela Secretaria atendem às exigências da produção agroecológica e o Programa de Monitoramento nas feiras vai trazer mais segurança e credibilidade ao processo de comercialização.

O secretário estadual de Agricultura, Octaciano Neto, ressaltou que o Governo do Estado está colocando em prática um conjunto de ações estratégicas para fortalecer a produção e a comercialização da Agricultura Orgânica no Espírito Santo. “São ações que estão em sintonia com as propostas que recebemos no Plano Estratégico de Desenvolvimento da Agricultura Capixaba, o Pedeag 3, que ouviu produtores e representantes desse segmento sobre os desafios e as oportunidades da produção orgânica ”, afirmou.

O secretário destacou que nos próximos dias será anunciado um programa voltado exclusivamente para o desenvolvimento da produção orgânica e agroecológica. “Já estamos financiando, nos próximos três anos, pesquisas aplicadas voltadas para o fortalecimento da agroecologia e da produção orgânica no Espírito Santo. Serão investidos R$ 1,1 milhão nesses projetos, dentro do Edital +Pesquisa AgroCapixaba. Além disso, muitas outras ações virão ”, pontuou.

A presidente da Associação Amparo Familiar, Selene HammerTesch, agradeceu o apoio que a Secretaria de Estado da Agricultura e a Prefeitura Municipal tem dado aos agricultores familiares que se dedicam à produção orgânica e agroecológica. “Esse apoio tem sido fundamental para a manutenção de nossa atividade. Estamos ampliando nossa produção e criando novos espaços para a comercialização de produtos saudáveis, livres de agrotóxicos ”, ressaltou.

Fonte: Prefeitura de Santa Maria de Jetibá

pube