pube
Geral

Cooperativa enfrentou problemas para conquistar mercado

por Redação Conexão Safra

em 22/07/2015 às 0h00

2 min de leitura

Raul Marques
Iconha


CAFSUL TEVE QUE ENFRENTAR A PRESENÇA DE INTERMEDIÁRIOS, O BAIXO VALOR AGREGADO E A PEQUENA DIVERSIFICAÇÃO


pube

O presidente da Cafsul, Gustavo Dadalto, destaca que não foi fácil conquistar o mercado e atingir os números atuais. A Cooperativa teve que enfrentar alguns problemas no meio rural de Iconha. “Tivemos que enfrentar a grande presença de intermediários, o baixo valor agregado ao processo produtivo e a pequena diversificação ”, contou. Hoje, pelo jeito, os associados da Cafsul estão no caminho da diversificação. A lista de vendas de produtos no ano de 2014 inclui mais de 20 produtos, com suas variações, que incluem alguns feitos em industrialização, como biscoitos, bolos, macarrão e pães caseiros.


O presidente da Cafsul conta que, além dos problemas já citados, teve que enfrentar mais desafios, para inserir a produção em novos mercados, como o Rio de janeiro, São Paulo e o fornecimento da produção para as escolas e órgãos do Governo. “Alguns problemas foram culturais. Gente que não tem a visão associativista e quer produzir só para si. Outra questão veio da barreira fiscal a produtos de outros estados, sem falar da logística, que esbarra na falta de estrutura para distribuição até câmaras, galpões e armazéns ”, disse Dadalto.


Gustavo anunciou a chegada de um caminhão que vai ajudar no transporte da produção


Contando com apoio de deputados e dos governos federal, estadual e municipal, imprescindíveis para o sucesso da cooperativa, Gustavo Dadalto anuncia a chegada de três câmaras frias, o que aumenta a sobrevida da produção e pode aumentar o preço para o produtor. O técnico agrícola, que se orgulha do que faz, entende que a crise existe, pode se agravar neste semestre, mas faz uma ressalva. “A crise que mais nos afetou foi a hídrica, que levou 30% da nossa produção ”, ressaltou.


Mesmo com a crise, Gustavo, que trabalhanos altos e baixos do mundo agroprodutivo, também anuncia a chegada de um caminhão para ajudar a transportar a produção dos participantes da Cafsul que, pelo jeito, só tende a crescer nestes próximos meses. “Estamos prontos para inaugurar o Centro de Apoio Logístico de Pedra Lisa Alta, que teve o apoio da Prefeitura Municipal de Iconha e, com um projeto de entrarmos no promissor mercado de orgânicos ”, disse. Já há até uma data: o próximo dia 5 de agosto.


Fonte: AQUIES

pube