pube
Geral

Pavimentação que liga Vargem Alta a Rio Novo do Sul

por Redação Conexão Safra

em 27/04/2016 às 0h00

4 min de leitura

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento,Aquicultura e Pesca (Seag), autorizou nesta quinta-feira (21) o reinício da obra de asfaltamento do trecho que liga Boa Esperança, distrito de Vargem Alta, à Virgínia Nova, distrito de Rio Novo do Sul. Para a pavimentação da estrada, que possui 6,1 quilômetros de distância, estão sendo investidos R$ 4,7 milhões por meio do Programa Caminhos do Campo, da Seag.

pube
O evento contou com a presença do vice-governador César Colnago e do secretário de Estado da Agricultura, Octaciano Neto. Cerca de 150 pessoas, entre deputados federais, vereadores, prefeitos e produtores rurais do município participaram da solenidade.

Com a pavimentação do trecho, que estava paralisada desde o final de 2014, mais de dez comunidades serão beneficiadas. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Vargem Alta, Gilmar Valentim Marinato, que também é produtor de banana e café conilon, reforça que em todas elas a maior atividade de renda é agricultura familiar.

“”Essa obra é muito importante para nós, produtores rurais, por que ela irá facilitar o nosso trabalho em todos os aspectos, produção, venda e entrega. É uma obra que esperamos muito. Sem ela nós temos muita dificuldade, principalmente na época da chuva, pois se abrem buracos, valetas na pista, entre outras coisas que tornam o caminho difícil para o agricultor familiar””, disse Marinato.


O secretário da Agricultura, Octaciano Neto, explica que além de possibilitar melhores condições para o escoamento da produção agrícola na região e melhorar a infraestrutura de acesso ao local, a pavimentação do trecho também é importante para oferecer mais conforto e segurança para os moradores e fomentar o Agroturismo.


“”Os municípios de Vargem Alta e de Rio Novo do Sul têm grande representatividade na Cafeicultura e Fruticultura do Estado, com as lavouras de café conilon e banana que a região possui. Para nós, Governo e Seag, é muito importante garantir com que o produtor rural, em especial aquele que é da agricultura familiar, consiga e tenha boas condições para escoar o que produz, com tranquilidade, facilidade e segurança””,ressaltou Neto.

O vice-governador César Colnago relembra que as estradas do Caminhos do Campo beneficiam a população em diversos momentos, sendo importantes não só para o escoamento da produção agrícola, como também para estudantes que chegam às escolas por transporte público e escolar, para visitantes, para os que entregam mercadorias no município e aos serviços de atendimento de emergências, como a polícia, ambulâncias e bombeiros.

“”Queremos que o agricultor que vive no interior tenha o mesmo bem-estar que o povo da cidade tem. Essa retomada da obra do Programa Caminhos do Campo é um passo a mais para promover o desenvolvimento rural, assim como as ações de eletrificação trifásica, telefonia e disponibilização de outras tecnologias. A produção rural tem um papel importantíssimo na nossa economia capixaba, então trazer para os distritos, para a família do interior, é uma grande alegria. Esse é um papel que o Governo tem se empenhado em cumprir””, disse Colnago.



Caminhos do Campo

O programa Caminhos do Campo teve início em 2003 e é considerado o maior
programa de infraestrutura voltado para o interior já realizado na história do Espírito Santo. Ao todo, já foram pavimentados 117 trechos de estradas vicinais por todo o Estado, totalizando mais de 860 quilômetros e um investimento de R$ 400 milhões.

Vinte e seis obras do programa Caminhos do Campo estavam paralisadas desde novembro de 2014. O atual Governo, com o apoio da Assembleia Legislativa, criou o Fundo Especial de Apoio ao Programa Caminhos do Campo, o que permitiu a retomada gradual das obras paralisadas. O compromisso é concluir todas as 26 obras paralisadas
pela gestão anterior até 2018. A pavimentação de cada trecho está sendo reiniciada de acordo com a mobilização das empresas.






pube