pube
Geral

Todos os municípios capixabas incluídos na área da Sudene

Projeto do deputado Evair de Melo e apensados garantem mais recursos e desenvolvimento a municípios de todas as regiões

por Redação Conexão Safra

em 03/12/2015 às 0h00

2 min de leitura

pube
“A ampliação de municípios na área de abrangência da Sudene vai fomentar o desenvolvimento socioeconômico de todas as regiões capixabas ”, afirmou o deputado federal Evair de Melo (PV/ES), nessa quinta-feira (03), após aprovação do Projeto de Lei Complementar 128/2015, de sua autoria, na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara dos Deputados. O projeto garante a inclusão de todos os municípios capixabas na Sudene.

“A ampliação dos municípios é um passo importante porque gera melhores oportunidades de investimentos para todas as regiões. O Porto de Barra do Riacho, em Aracruz, por exemplo, é um dos beneficiados ”, diz José Eduardo Faria de Azevedo, secretário de Estado de Desenvolvimento.

Evair lembra que a partir da inclusão na Sudene, os municípios passam a receber mais investimentos e
apoio de agências de fomento ligadas ao Governo Federal. “É fundamental garantir competitividade e equilíbrio econômico entre todas as regiões capixabas. A região sul, excluída até então da jurisdição da Sudene, também precisa de incentivos do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), além de acesso a linhas especiais do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES), para desenvolver suas potencialidades ”.

A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) é uma autarquia especial, integrante do Sistema de Planejamento e de Orçamento Federal, criada para promover o desenvolvimento sustentável do Nordeste. Mais tarde, foram incluídos na área de atuação da Superintendência municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo e, desde 1998, passaram a fazer parte da área de atuação da Superintendência. A aprovação do projeto é resultado do trabalho intenso de Evair que assumiu a responsabilidade de incluir na agenda da Câmara a inclusão de todo o Estado na Sudene.