Geral

Incaper disponibiliza 6ª edição do Boletim da Conjuntura Agropecuária Capixaba

por Redação Conexão Safra

em 08/06/2016 às 0h00

3 min de leitura

Incaper disponibiliza 6ª edição do Boletim da Conjuntura Agropecuária Capixaba

pube
Atendendo a uma importante demanda sobre dados da produção agropecuária no Espírito Santo, o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) disponibiliza on-line, o 6º Boletim da Conjuntura Agropecuária Capixaba que reúne informações das atividades que são levantadas pelas principais instituições de pesquisa que atuam no Estado.

O boletim apresenta os dados da previsão de produção agrícola para esse ano de 2016. Esses dados são comparados com os do ano de 2015 e apontam uma queda na produção agrícola que vem se confirmando os efeitos da estiagem. Nesta edição, é apresentado também um resumo dos dados de produção referente à comparação com o ano 2014.

“O objetivo deste documento é oferecer de forma resumida e organizada as principais informações referentes à evolução da produção e dos mercados, além de disponibilizá-las, uma vez que atualmente não estão facilmente acessíveis. Assim, esta publicação vem suprir uma carência de informações sistematizadas a respeito da produção e produtividade agropecuária no Estado ” ressaltou a pesquisadora do Incaper, Edileuza Aparecida Vital Galeano.

Veja alguns dados:

As estimativas levantadas até maio mostram que houve uma queda de 19,8% na produção e 16,2% no rendimento médio na comparação com o ano de 2014. No caso do café conilon, a previsão é de queda acumulada na produção de 2014 a 2016 seja de 35,1%.

Comparativos dos anos de 2015 a 2016

Os dados do levantamento do IBGE feito até o mês de maio de 2016 indicam uma queda na produção cafeeira de 4,2% no Estado, e redução de 3,9% na área colhida. A maior retração foi observada na cultura do café conilon, cuja previsão de redução da produção é de 14,1% em comparação com 2015

Com relação aos produtos alimentares básicos como arroz, milho, feijão e mandioca, a previsão é de aumento de 7,9% na produção. Essa previsão de aumento se dá principalmente pelo aumento na produção de milho, cuja estimativa do IBGE é de que haverá um acréscimo de 58,2% em relação à produção de 2015.

Na fruticultura, o levantamento prevê queda de 8,1% na produção e 6,4% no rendimento médio. A previsão de queda na produção de mamão é de 20,9% e do maracujá, 48,7% na comparação com 2015.

O Boletim é estruturado de acordo a partir dos levantamentos estatísticos, acompanhados de tabelas, gráficos e distribuição espacial da produção, com base nos dados discutidos e aprovados pelo Grupo de Coordenação de Estatísticas Agropecuárias (GCEA) do Espírito Santo, órgão colegiado coordenado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para conferir o Boletim da Conjuntura Agropecuária Capixaba na íntegra, acesse: http://biblioteca.incaper.es.gov.br/digital/bitstream/item/1954/1/BRT-Boletim-Conjuntura-Agropecuaria-n-6.pdf

Fonte: Incaper


pube