pube
Geral

Balanço da Seag sobre 2015

Na Secretaria de Estado da Agricultura, ações foram definidas estrategicamente para a agricultura capixaba no ano de 2015

por Redação Conexão Safra

em 06/01/2016 às 0h00

3 min de leitura

pube
Na Secretaria de Estado da Agricultura, ações foram definidas estrategicamente para a agricultura capixaba no ano de 2015, visando influenciar nos próximos anos melhores condições em alguns setores agrícolas. O terceiro Plano de Desenvolvimento Estratégico da Agricultura, o Pedeag, é uma delas. Criado a partir do envolvimento de mais de 6 mil produtores rurais e especialistas, tendo ao todo 58 oficinas de trabalho esse ano, servirá de base para a elaboração do plano para os próximos 15 anos. No segundo semestre, destaca-se a retomada de todas as 26 obras do programa Caminhos do Campo, paralisadas desde novembro de 2014, que teve um investimento de R$ 60 milhões. Dos 26 trechos paralisados, 16 terão as obras reiniciadas até janeiro, em um investimento de R$ 100 milhões. O compromisso é concluir todas as obras até o final de 2018.


A Seag, em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), lançou em dezembro o maior edital de pesquisa agropecuária da história do Espírito Santo. Serão investidos R$ 14 milhões em projetos de pesquisa aplicada que vão subsidiar a formulação de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento rural sustentável, a elevação da renda dos produtores, o adensamento dos arranjos produtivos, a conservação do solo e o uso racional da água.


A Seag lançou, em novembro, o primeiro edital do Fundo Social de Apoio à Agricultura Familiar, o Funsaf. A partir da parceria firmada com o BNDES, o Governo do Estado irá investir nos próximos meses R$ 12 milhões na agricultura familiar capixaba. O primeiro edital é destinado exclusivamente para as associações e cooperativas de agricultores familiares dos assentamentos estaduais de reforma agrária.



Confira outras ações da Seag ao longo de 2015:


– Anúncio de investimentos de R$ 20 milhões para aumentar a reserva de água no interior, com a construção de 32 novas barragens. Em dezembro, já foram lançados os editais para a construção de 26 barragens de pequeno porte em 11 assentamentos de reforma agrária do Estado, nos municípios de Ecoporanga, Montanha, Nova Venécia, São Mateus e Conceição da Barra. Ao todo, as barragens terão capacidade para armazenar 1,5 bilhão de litros de água. Elas representam um investimento de aproximadamente R$ 8,8 milhões por parte da Seag.


– Realização do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Agricultura Capixaba, o Pedeag 3, com o envolvimento de mais de seis mil produtores rurais, especialistas, pesquisadores e representantes dos variados arranjos produtivos da agropecuária do Estado, em 58 oficinas de trabalho conduzidas em todas as regiões do Estado.


– Entrega 16 retroescavadeiras, oito tratores agrícolas, oito caminhões com carroceria de madeira, cinco caminhões basculantes toco, dois caminhões com baú isotérmico, dois caminhões pipa, cinco carretas agrícolas, quatro microtratores, cinco veículos pick-ups, além de secadores de café, cultivadores e beneficiadores a 40 prefeituras e associações de produtores rurais de várias regiões capixabas, em um investimento de aproximadamente R$ 5,4 milhões.

pube