pube
Meio Ambiente

Programa Pravaler será lançado no ES

por Assessoria de Comunicação CNA/SENAR

em 05/06/2022 às 18h12

3 min de leitura

Programa Pravaler será lançado no ES

Foto: divulgação Senar

O Sistema CNA/Senar lança em Linhares, na próxima quinta-feira (9) o Programa Nacional de Regularização Ambiental Produtiva (Pravaler). A iniciativa é uma parceria do Sistema com a Embrapa, Serviço Florestal Brasileiro (SFB) e apoio da Agência de Cooperação Técnica Alemã (GIZ).

O foco é desenvolver ações que identifiquem gargalos na regularização ambiental e auxiliem o produtor rural a recompor os passivos da propriedade por meio de apoio técnico e implementação de tecnologias de baixa emissão de carbono. O primeiro passo da implantação do Pravaler no estado foi a realização de uma oficina em março com os parceiros estaduais para definição do plano de ação do programa no Espírito Santo.

pube

Entre os parceiros estão a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Espírito Santo (Faes), o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/ES), o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), a Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento e Pesca (Seag), a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama) e o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Esta semana, a equipe técnica percorreu os municípios de Jaguaré e São Mateus para apresentar as diretrizes do programa. “No Espírito Santo vamos implantar o Pravaler em municípios das regiões Norte e Sul do estado, por isso estamos fazendo reuniões para apresentar o programa e sensibilizar os parceiros locais para começarmos as ações”, explicou Cláudia Mendes, assessora técnica da CNA e integrante da coordenação Nacional do programa.

Para Fabricio Zanzarini, gerente de Licenciamento e Controle Florestal do Idaf, a etapa de reuniões regionais foi importante para mobilizar as entidades locais que irão trabalhar diretamente com os produtores. “As reuniões foram muito produtivas e o projeto tem de tudo para acontecer no estado”.

Murilo Pedoni, coordenador técnico do Senar Espírito Santo, afirmou que as instituições compreenderam o que é o programa e irão auxiliar na mobilização tanto de produtores que vão aderir ao programa quanto na busca de incentivos para desenvolver as ações no campo.

Já temos uma quantidade suficiente de cadastros do CAR retificados e agora falta o Programa de Regularização Ambiental (PRA) que é a cereja do bolo do novo Código Florestal. Essas ações nas propriedades rurais vão facilitar ainda mais a elaboração dessa importante política pública visando à regularização ambiental dos produtores rurais.”

Na próxima semana, a equipe irá visitar também os municípios de Cachoeiro do Itapemirim, Jerônimo Monteiro, Atílio Vivacqua, Muqui e Rio Novo na região Sul do estado.