pube
Geral

Starbucks e PepsiCo concretizaram acordo para vender bebidas de café

por Redação Conexão Safra

em 30/07/2015 às 0h00

2 min de leitura

pube
A Starbucks e a PepsCo concretizaram um acordo para vender e distribuir bebidas de café e energéticas Starbucks prontas para beber na América Latina, incluindo a Colômbia.

Este mercado tem na região um valor estimado em US$ 4 bilhões e deverá crescer em 22% nos próximos cinco anos. O acordo inclui as bebidas de café Starbucks: Frappuccino, Starbucks Double Shot, Espresso e Cream y Starbucks Refreshers.

Ambas as companhias continuarão promovendo, inovando e desenvolvendo ainda mais a marca na América Latina.

No próximo ano, os produtos chegarão a Caribe, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, México, Panamá, Peru, Porto Rico e Uruguai. Posteriormente, irão a outros mercados da América Latina.

“Nossa expansão pela América Latina em 2016 nos permitirá oferecer um café Starbucks de alta qualidade em um formato ready-to-drink e conveniente para nossos clientes, para que possam levá-los onde vivem, trabalham e se divertem ”, disse Michael Conway, presidente global de desenvolvimento de canais na Starbucks.

“A experiência em vendas e a rede de distribuição da PepsiCo os faz ser a empresa ideal para trabalhar em conjunto e, assim, detonar o mercado de bebidas ready-to-drink na região e acelerar a demanda local da Starbucks ”.

“A Aliança de Café da América do Norte (NACP, da sigla em inglês) é sem dúvida uma das de maior êxito na indústria de bebidas e, com esse novo acordo, traremos mais de 20 anos de colaboração bem sucedida a uma região onde o café é parte da cultura ”, disse o diretor executivo da PepsiCo da América Latina, Laxman Narasimhan. “Juntos, nossas talentosas e apaixonadas equipes se expandirão diante da visão definida décadas atrás para criar um novo modelo que traga conhecimento contínuo na América Latina ”.

A relação entre Starbucks e PepsiCo começou há mais de 20 anos, quando as companhias formaram a NACP, uma sociedade que construir a categoria de bebidas prontas para beber nos Estados Unidos.

A reportagem é do http://www.portafolio.co / Tradução por Juliana Santin

pube