pube
Geral

Reunião define futuro do Matadouro Municipal de Itapemirim

A obra ainda precisa de alguns reparos e modificações, já que com o tempo, até a legislação que rege sobre o assunto sofreu alterações

por Redação Conexão Safra

em 15/01/2014 às 0h00

2 min de leitura


Uma reunião da manhã de ontem, entre o prefeito de Itapemirim, Dr. Luciano de Paiva e o secretário de Estado da Agricultura, Ênio Bergoli, definiu o futuro do Matadouro Municipal, que está com as obras, que já se arrastam há anos, paralisadas. A expectativa é que seja concluída nos próximos meses.

pube

Também participaram do encontro o subsecretário de Desenvolvimento Agropecuário, Aquicultura e Pesca do Estado, Macaciel Breda, o proprietário do terreno onde foi construído o matadouro, Ronildo Matos Coelho, o secretário municipal de Agricultura e Desenvolvimento Rural, Luciano Henriques, e o representante do Idaf, Anderson Teixeira.

Ênio Bergoli se mostrou muito interessado em concluir a obra que já se arrasta há anos. “Precisamos concluir essa obra tão importante para a região. Sabemos que já se passaram muitos anos e que alguns problemas foram identificados, mas não podemos perder mais tempo ”, explicou.

Ronildo Matos Coelho disse que não entende o porquê da obra ter se estendido por tanto tempo, mas espera que agora tudo seja resolvido. “Eu tinha um acordo com a prefeitura, que nunca foi cumprido. Agora espero que com a conclusão da obra eu consiga resolver minha situação ”, afirmou.

De acordo com o representante do Idaf, a obra ainda precisa de alguns reparos e modificações, já que com o tempo, até a legislação que rege sobre o assunto sofreu alterações. “No último laudo que emitimos sobre a obra constatamos equipamentos instalados errados e falhas na construção ”, ressaltou.

Para o prefeito, essa obra já esperou tempo demais. “Não podemos perder mais tempo. Além de fazer valer o investimento no local, o matadouro também promove saúde, visto que a procedência da carne será garantida ”, disse Dr. Luciano.

Ao fim da reunião, quando ficou acordado que será dada a continuidade mais rápido possível para conclusão da obra, o representante do Idaf e uma engenheira da prefeitura se reuniram para atualizar o relatório de pendências. “Vamos encaminhar este relatório ao Ministério Público, que estará acompanhando o caso. Após o aval, começaremos as licitações necessárias para a conclusão da obra e o funcionamento do local ”, concluiu Dr. Luciano de Paiva.


Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Itapemirim

pube