pube
Geral

Oficina do Pedeag 3 dialoga sobre o cenário dos setores de avicultura e suinocultura no Estado

Nesta quinta-feira (17), às 14h, será realizada mais uma oficina do Pedeag 3...

por Redação Conexão Safra

em 15/09/2015 às 0h00

2 min de leitura

pube
Nesta quinta-feira (17), às 14h, será realizada mais uma oficina do Pedeag 3. Dessa vez o cenário dos setores de suinocultura e avicultura serão os temas centrais e discutidos no Centro de Agronegócios de Marechal Floriano.

Lembrando que no Estado, a suinocultura gera atualmente 4 mil empregos diretos e indiretos, além de ser base do vínculo empregatício de aproximadamente 15 mil pessoas. Já o setor de avicultura desempenha um importante papel socioeconômico no Estado, somando em 154 produtores na postura comercial, 44 de frango de corte, 16 de codorna, 09 abatedouros e 03 incubatórios.

O especialista convidado será o diretor da Associação dos Avicultores e de Suinocultores do Estado do Espírito Santo (AVES) Nélio Hand, que vai apresentar um pouco sobre os desafios e expectativas dos dois setores.

Produtores, pesquisadores e representantes de entidades ligadas aos dois setores poderão dialogar e contribuir com as metas e estratégias para o futuro da cadeia produtiva da suinocultura e da avicultura no Estado.


SUINOCULTURA

Atualmente, existem 38 suinocultores no ES, entre grandes, médios e pequenos produtores, e 8 abatedouros.A produção de carne do setor é totalmente consumida no mercado interno, derivada do processamento em indústrias com inspeção estadual e municipal.

A produção no Estado é bastante pulverizada, mas nota-se uma concentração significativa na região Sul. O principal município produtor de suínos é Cachoeiro de Itapemirim, com 25,55% da produção estadual. Em seguida, está Viana, com 13,04%, e Venda Nova do Imigrante, com 13,02%.

AVICULTURA

Atualmente, além dos avicultores e empresas quantificadas existem vários serviços terceirizados e parcerias com micro e pequenos produtores rurais. No caso da produção de frangos de corte, por exemplo, além dos produtores que atuam no Estado existem ainda produtores rurais que possuem em suas propriedades galpões que são arrendados para a produção. Essas propriedades dependem diretamente da avicultura como fonte de renda ou de complementação junto às demais atividades que exercem.

A produção média mensal é de 753.987 caixas com 30 dúzias de ovos de mesa, 7.510 toneladas abatidas, 3.280.057 cabeças de pintos de corte, 72.824 caixas com 50 dúzias de ovos de codorna, 5.363.167 cabeças de frango vivo e 341.269 cabeças de pintinhas de postura e caipira.

pube