pube
Geral

Ações de empreendedorismo podem ser vistas em todo o Espírito Santo

O objetivo é proporcionar longevidade e competitividade aos novos negócios

por Redação Conexão Safra

em 07/01/2014 às 0h00

5 min de leitura

O Governo do Espírito Santo, por meio da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), estimula o empreendedorismo em todo o Estado. Por meio de projetos e ações, a Aderes formaliza e capacita empreendedores e fortalece o cooperativismo, a agroindústria e a criação de Bancos Comunitários. Além disso, realiza cursos de exportação e a inclusão de artesãos e integrantes da economia solidária nos municípios do ES.

“As políticas públicas desenvolvidas na Aderes fortalecem o empreendedorismo no Espírito Santo. Nosso objetivo é proporcionar aos capixabas o acesso aos serviços oferecidos pelo Governo. Dessa maneira, estimulamos o desenvolvimento local e a inclusão sócio-produtiva ”, destaca Pedro Rigo, diretor-presidente da Aderes.


Formalização de empreendedores


A Aderes leva a oportunidade da formalização ao empreendedor do ES. Nos projetos Atenda e Unidade Móvel, o empreendedor individual formaliza o seu negócio e recebe imediatamente o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ). Os técnicos do projeto orientam os empreendedores quanto aos benefícios da legalização, além de informações sobre crédito diferenciado e planos para os seus negócios.

Após sair da informalidade, o empreendedor pode participar de licitações e compras públicas, adquire direitos previdenciários, além de poder contratar um funcionário com carteira assinada.


Capacitação de empreendedores


A Aderes proporciona aos empreendedores a capacitação em melhorias na gestão, nos controles financeiros e nas técnicas indispensáveis para os seus negócios. O Centro de Capacitação do Empreendedor e o Projeto Comércio Total percorrem os municípios do ES com cursos gratuitos voltados ao desenvolvimento e fortalecimento do comércio varejista e dos prestadores de serviço.

pube

O objetivo é proporcionar longevidade e competitividade aos novos negócios. Os temas trabalhados nas aulas são: “”Melhore seu negócio e venda mais””, “”Controles financeiros para o varejo e serviços””, “”Formação de preço de vendas””, “”Técnicas de vendas””, “”Visual de loja””, “”Atendimento ao cliente””, “”Empreendedorismo individual”” e “”Gestão de estoques””.

Além da participação nas apresentações e palestras, cada participante tem direito a duas consultorias e a um plano de negócios.


Inclusão de novos artesãos


A Aderes possibilita a participação de artesãos em diversas feiras pelo Brasil e pelo Espírito Santo. O objetivo é abrir e consolidar canais de comercialização para o setor. Dessa maneira, promovemos a inclusão social e produtiva.

Os municípios do ES contam também com a presença de técnicos da Aderes que realizam a “Triagem do Artesanato ”, na qual o artesão passa por um teste de habilidade para a emissão e renovação da Carteira do Artesão. A Carteira do Artesão, emitida pela Aderes, é uma maneira do artesão se diferenciar e mostrar sua identidade.


Bancos Comunitários


A Aderes inaugurou em junho deste ano, em parceria com a Associação de Voluntários Semeando o Futuro, o Banco Comunitário de Desenvolvimento União, no Distrito de Cristal do Norte, em Pedro Canário.

O União é o 8º Banco comunitário do ES inaugurado e o primeiro do interior do Estado. O município de Vila Velha possui o banco Terra, em Terra Vermelha, e o Verde Vida, em Ataíde. Cariacica conta com o banco Sol, em Vista Dourada e o Esperança, em Nova Rosa da Penha. Já o município de Vitória possui o banco Puã, na região de São Pedro, e o Bem, na região de São Benedito. E a Serra conta com o banco Abraço.

A iniciativa, que integra os programas de Governo Incluir e Estado Presente, faz parte do projeto “Fortalecimento da estratégia dos Bancos comunitários ” que visa, entre outros aspectos, integrar, promover e fortalecer as associações gestoras e as equipes dos bancos comunitários do Espírito Santo.

Fortalecimento da Economia Solidária e Inclusão Produtiva

A Aderes possibilita a participação de integrantes da Economia Solidária e Inclusão Produtiva em diversas feiras pelo Espírito Santo. O objetivo é abrir e consolidar canais de comercialização para o setor. Dessa maneira, promovemos a inclusão social e produtiva.


Fortalecimento da Agroindústria


A Aderes está realizando reuniões para orientar as equipes das secretarias de agricultura e saúde sobre como formalizar as agroindústrias familiares nos municípios em todo o Estado.

A partir da fiscalização e formalização, a agroindústria comercializa mais facilmente seus produtos dentro do município, pode participar de compras públicas, entre outras vantagens. Para a formalização, ela deve atender às normas fiscais/ tributárias, ambientais e sanitárias.

O objetivo da formalização é promover o desenvolvimento e a ampliação do mercado de comercialização das agroindústrias familiares.


Comércio Exterior


A Aderes realiza cursos de exportação com o objetivo de estimular a inserção de empresas de pequeno porte e empreendedores individuais no mercado externo e difundir a cultura exportadora no Estado. A iniciativa é parte das ações do Plano Estadual da Cultura Exportadora, desenvolvido pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).


Cooperativismo


A Aderes trabalha para fortalecer o cooperativismo por todo o Espírito Santo. Por meio do Plano de Desenvolvimento do Cooperativismo, são realizados projetos e ações voltados para o desenvolvimento das cooperativas capixabas.

Um resultado que significa mais renda e dinamismo econômico nas mais distantes regiões do Estado.


Fonte: Aderes

pube