Barragens

Cursos sobre barragens são destaque em reunião entre Crea-ES, Seea e Agerh

por CREA-ES

em 02/06/2021 às 10h06

3 min de leitura

Cursos sobre barragens são destaque em reunião entre Crea-ES, Seea e Agerh

Divulgação/Crea-ES

Na última quarta (26/5), o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES), Jorge Silva, e o gerente de Relacionamento Institucional, Giuliano Batisti, receberam o presidente em exercício da Sociedade Espíritossantense de Engenheiros Agrônomos (Seea), Álvaro Bridi, o diretor presidente da Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh), Fábio Ahnert, e o diretor técnico da Agerh, José Roberto Jorge, para alinhamento de uma parceria voltada na aplicação de cursos e treinamentos no segmento de barragens à profissionais do Conselho. 

A expectativa é unir os órgãos, Crea-ES, Seea e Agerh, para a implementação de ações que capacitem os profissionais da Engenharia, Agronomia e Geociências. A parceria também contará com a participação do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf). A previsão é de que, já em julho, aconteça o curso de “Elaboração de Projetos de Barragens” e, em setembro, o de “Treinamento em Segurança de Barragens”.

A Agerh, instituição integrante do Sistema de Gerenciamento de Recursos Hídricos do Espírito Santo (Sigerh), é responsável pela Gestão da Água no Estado juntamente com a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama), o Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH) e os Comitês das Bacias Hidrográficas do ES. Suas ações têm por finalidade executar a Política Estadual de Recursos Hídricos, regular o uso dos recursos hídricos estaduais e realizar o monitoramento hidrológico no Estado do Espírito Santo.

O diretor-presidente da Agerh ressaltou o caráter oportuno da união: "A maioria dos servidores da Agência Estadual de Recursos Hídricos está registrada no Conselho. E o Crea-ES é uma máquina forte. A projeção desse intercâmbio que estamos construindo irá favorecer não só os profissionais, mas toda a área tecnológica".

Segundo o presidente do Crea-ES, Jorge Silva, essa é uma oportunidade única e está dentro da proposta da nova gestão de realizar cursos e treinamentos de maneira acessível. “Nosso objetivo é esse, oferecer aos profissionais a oportunidade de receber atualização de técnicas, conceitos e normas relacionadas às atividades desenvolvidas pelas diversas categorias abrangidas pelo Sistema.”, completou.

Clique aqui e receba as principais notícias do dia no seu WhatsApp e fique por dentro do que acontece no agronegócio!